Melhores alimentos para a memória 12 Dicas ótimas

Os benefícios do desenvolvimento da memória para preservar a juventude. Alimentos para a memória úteis para a função cerebral e desenvolvimento da memória. Comida durante comer demais e jejuar.

alimentos para a memória
Foto: pixabay.com

Todo mundo sabe que desenvolver suas habilidades intelectuais não é apenas útil, mas também necessário. 

Nosso cérebro é como os músculos do corpo: se não o usamos, suas funções diminuem com o tempo. Mas há um outro lado desse processo: se o cérebro for treinado regularmente, ele ficará cheio de clareza e atividade por muitos anos.

Há outra grande coisa. Já foi provado repetidamente por grupos de pesquisa no campo da fisiologia que o desenvolvimento do cérebro contribui para a preservar a juventude em todo o corpo. 

Ou seja, nossa saúde e juventude dependem do nível de desenvolvimento de nossa inteligência !

Afinal, é o cérebro que envia sinais por todo o corpo sobre a mobilização de recursos, a ativação de certos programas biológicos. 

E se apoiamos o cérebro em um estado ativo e de alto desempenho, então, ao longo da cadeia, nosso cérebro contribui para manter a saúde e a juventude de todo o organismo.

Beber muita água

A desidratação causa uma diminuição séria no desempenho do cérebro, com dores de cabeça e cólicas. Beba bastante água por dia. Isso é necessário para garantir o nível e a condição necessários do fluido intercelular.

Comer Nozes

Não é segredo que as nozes são uma fonte de vitamina E, de que o cérebro tanto precisa. O óleo de noz é líder entre os óleos vegetais no conteúdo de ácidos graxos poliinsaturados. Portanto, as nozes (assim como as avelãs e amendoins) são alimentos para a memória utilizadas em receitas como forma de manter a mente, ou seja, melhorar as funções cerebrais.

Ingerir Cacau 

Mais recentemente, os cientistas descobriram que os grãos de cacau contêm uma substância muito útil – os flavans antioxidantes, que melhoram a circulação sanguínea no cérebro

Mas o cacau sozinho, que contém esses antioxidantes, tem um sabor amargo. E, muitas vezes, durante a produção, esses grãos de cacau são removidos ou não são utilizados.

Tomates melhora a circulação

Existe um poderoso antioxidante no tomate – licopeno, que é extremamente importante para o nosso cérebro. Essa substância, além de suas funções protetoras, melhora a circulação sanguínea.

Brócolis fonte de vitamina K

Como você sabe, o brócolis é uma fonte de vitamina K, e a vitamina K estimula o cérebro. 

alimentos para a memória
Foto: pixabay.com

Preparações de vitamina K são frequentemente prescritas para crianças com atrasos no desenvolvimento. Você pode usar brócolis regularmente para manter um cérebro saudável em nível fisiológico.

Mirtilos ajudam na perda da memória

Um dos alimentos para a memória são os mirtilos, que melhoram a circulação capilar no cérebro. Além disso, em artigos científicos, é mencionado que os mirtilos ajudam na perda temporária de memória.

Óleos vegetais naturais

Os óleos vegetais naturais (azeitona, milho, girassol, linhaça, gergelim) também contêm triglicerídeos com ácidos graxos insaturados. 

São esses triglicerídeos que são importantes para a construção dos processos neurais dos dendritos. Ou seja, graças ao crescimento das conexões neurais, todas as nossas habilidades intelectuais são consolidadas.

Desenvolvimento da memória

No desenvolvimento das funções do intelecto, três componentes interconectados são importantes: o desenvolvimento da memória, o desenvolvimento do pensamento e o desenvolvimento da imaginação

São esses componentes que envolvem totalmente todas as esferas da atividade intelectual.

Hoje falaremos sobre o desenvolvimento da memória, ou seja, nutrição que promove o desenvolvimento da memória e bom desempenho cerebral.

Desenvolvimento do pensamento

Para o bom funcionamento do cérebro, naturalmente, são necessários nutrientes adequados. O cérebro é um órgão especial que é ligeiramente diferente em seu funcionamento. 

O cérebro do nosso corpo é um dos órgãos que “consomem mais energia”, consome uma proporção bastante grande da glicose que chega da comida.

Nas pessoas que trabalham intelectualmente, essa proporção é ainda mais direcionada para o cérebro.

Então, ele trabalha constantemente e duro. O que deve ser incluído na dieta para um bom desempenho cerebral e manutenção da memória?

Desenvolvimento da imaginação

Como já mencionado, nosso cérebro consome uma quantidade enorme de energia. Além disso, a principal fonte de energia para nossos neurônios é a glicose. 

Não é à toa que existe uma opinião de que é aconselhável que crianças em idade escolar e alunos comam chocolate antes e durante o exame, para que a cabeça funcione melhor.

Há alguma verdade neste conselho, mas apenas parcialmente. A abundância de açúcar no chocolate e nos doces proporciona um efeito nutricional instantâneo, mas a curto prazo . 

Então o nível de glicose cai acentuadamente e nossos esforços mentais não são energizados.

Comer pratos de carboidratos

Antes do trabalho mental intenso, é muito mais útil e produtivo comer pratos complexos de carboidratos como esses alimentos para a memória, especialmente cereais (aveia, trigo sarraceno, cevada, arroz, cevadinha) uma hora antes .

Mingau é um dos alimentos para a memória, em primeiro lugar, cria uma longa sensação de saciedade. Em segundo lugar, eles contribuem para a manutenção uniforme do nível de glicose no sangue, graças ao qual nosso cérebro recebe constantemente apoio energético.

Alguns alimentos para a memória com alto teor calórico têm o mesmo efeito: bananas, tomates, batatas-doces, beterrabas, cenouras e batatas de advertência, porque contêm amido de fácil digestão, que, como açúcares simples, gera rapidamente níveis de glicose e um rápido declínio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *